sexta-feira, maio 16, 2014

Não era que eu merecesse

Depois de há umas semanas ter deixado cair o telemóvel da maneira mais estupida possível e de lhe ter acabado com a raça, ontem vi me na obrigação de ir comprar um novo. Custou os olhos da cara e cada tecla premida do multibanco foi cada facada no coração, (e não foi dos mais caros) mas já dorme ali em cima da mesinha. É nestas alturas que uma pessoa vê a dependência que tem das novas tecnologias, andei uns tempos com um maxibongo velhinho e já não o podia ver...
Agora Evy Percebes não te esqueças de o partir...


2 comentários:

  1. já ouvi falr muito bem deles. e que tal safam-se bem?
    bjs*

    http://se-tu-saltas-eu-salto.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bem, estou a gostar muito! :-)

      Excluir

Vá toca a comentar