sexta-feira, outubro 14, 2011

Cabelo

Cada vez que tenho de o ir cortar instala-se o drama, "onde?". Durante muito tempo fui à mesma cabeleireira mas tudo acabou quando ela aumentou a preço do corte e se começou a tentar meter na minha vida. Lá porque é pouco mais velha que eu e porque lá fui vezes sem conta, isso não lhe dá o direito de se meter na minha vida?! Ah e da ultima vez que lá fui nem o cabelo nem me lavou. Sim, cortou-o seco e meteu-me na alheta. Paguei o mesmo? Claro!
Entretanto há quatro meses fui a um cabeleireiro lá no shopping onde trabalho, mas levaram-me os olhos da cara só para lavar, cortar e secar ao natural (28euros...), e agora não me apetece pagar o mesmo. Cá na terrinha há cabeleireiros mas são da idade da pedra, senhoras que de certeza há anos não fazem uma actualizaçãozita. Bem, resta-me deixa-lo crescer e quando chegar ao chão peço ao L. para lhe dar umas tesouradas.
                                                                                       ( dos maiores cabelo do mundo)

5 comentários:

  1. Minha querida, não faço ideia onde moras mas decerto haverá alguma vila/cidade por perto, não? Tenta pesquisar, às vezes em meios pequenos encontram-se verdadeiros achados :)
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Olá querida Leana, pois ando a investigar mas tenho cá uma miufa. Em pequena fizeram-me um corte tão mau, mas tão mau que até tenho pavor em cortar o cabelo. Ando na investigação depois conto como correu.
    Beijinhos:)

    ResponderExcluir
  3. Eu, como sou muito esquisita com o meu cabelo, prefiro pagar os tais 25/28/30 euros para cortar o cabelo.
    Costumo ir aos cabeleireiros da Sanjam que costuma haver nos centros comerciais.

    Apesar de já 1 ou 2 vezes não ter saído totalmente satisfeita, a maior parte das vezes corre tudo lindamente. E nos restantes cabeleireiros de "bairro" acontece o contrário: Normalmente não saio satisfeita. Para além disso como é uma cadeia grande e sempre cheia de gente, as cabeleireiras não têm tendência a cuscar muito... O que também é bom!

    Por falar nisso... Acho que vou ter de lá ir esta semana :p

    Beijinhossss*

    ResponderExcluir
  4. Esse também é o meu problema!
    Em Lisboa é um dinheirão que eu me recuso a dar, para cortar o cabelo!
    Por isso, a minha solução e do Mr.XL também é, sempre que o queremos cortar, vamos à terrinha. Na minha há lá cabeleireiras novas, da minha idade praticamente, com salões super modernos, e que fazem de tudo, e bem!
    Ah!! E barato:
    Lavar, cortar (e eu tenho o cabelo muuuito comprido) e secar: 10euros!!!!
    Nem mais!
    É que nem penso duas vezes!
    É sempre o meu ritual!

    ResponderExcluir
  5. Já cortei o cabelo meninas!Correu melhor do que estava à espera. Fui a um salão cá na terrinha e até ficou bem. Paguei 16euros por lavar, secar e esticar.
    Acho que para a próxima vou ao mesmo sitio.
    Beijinhos para todas

    ResponderExcluir

Vá toca a comentar